O que são canais de vendas e como escolhê-los? - ApoioEmpresário
Aumentar Vendas

O que são canais de vendas e como escolhê-los?

Quando você ouve o termo canais de vendas o que lhe vem à mente? Por uma razão lógica, algo como o caminho reto, seguro e rápido de se chegar ao seu público como destino final. Além deste, outro termo bastante utilizado é o “canal de distribuição”, do qual se compreende como um serviço que pode ser divulgado e “espalhado” para o maior número de pessoas.

O mercado é um leque de possibilidades em que se pode testar as várias ferramentas com o intuito de verificar como funcionam. Quando se começa a conhecê-las e estuda-las logo se percebe que existem várias formas de se chegar ao cliente, o qual costuma frequentar vários ambientes físicos e “virtuais” diferentes.

Torne-se um empreendedor de sucesso!

Cadastre o seu e-mail em nossa lista e receba as novidades primeiro!

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Fique tranquilo, o seu e-mail estará seguro conosco. Você poderá se retirar da lista a qualquer momento.

Este artigo foi preparado tanto para os novos, como os empreendedores mais experientes, que buscam se manter atualizados frente a um mercado em constante transformação.

Qual é a importância dos canais de vendas?

Se o mercado está em constante transformação é porque o comportamento do consumidor não é mais o mesmo de tempos atrás. Com o acesso cada vez mais rápido, dinâmico e direto promovido pela internet, uma empresa tem hoje a possibilidade de expandir o seu negócio além do bairro onde está localizado, ou seja, o mundo se tornou uma verdadeira aldeia global com o acesso livre já que as barreiras foram superadas.

Por isso, é extremamente importante que o empreendedor se atente para as diversas possibilidades que a tecnologia disponibiliza com frequência, para intensificar o seu trabalho e a divulgação do seu negócio.

Principais canais de vendas

Os canais de vendas devem ser vistos pelos empreendedores como os norteadores do seu negócio e a escolha e trabalho realizado com eles como formas estratégicas de se alcançar o público alvo. Veja a seguir quais são os principais canais de vendas e como cada um deles funciona.

Distribuidoras

Geralmente são grandes empresas que se caracterizam pela compra e armazenamento de produtos nacionais ou importados de diferentes marcas. Algumas delas acabam se tornando suas representantes oficiais dentro do país e suas atividades comerciais concentram-se na movimentação de compra e armazenamento de produtos.

Os seus preços são mais baixos em relação a outras modalidades de negócios, já que buscam atender uma grande demanda com valores atrativos para que o seu estoque tenha um giro rápido. As distribuidoras são os canais mais próximos das indústrias e fábricas. Como exemplo tem-se a All Pet Distribuidora, que trabalha com produtos pets e está localizada na cidade de São Carlos (SP) e atua em diversos estados brasileiros.

Franquias

É um modelo que recentemente ganhou popularidade, principalmente após a criação das microfranquias e as franquias online que se tornaram mais baratas e muitos empreendedores viram nessas alternativas uma boa oportunidade para iniciar o próprio negócio.

Uma das grandes vantagens em se trabalhar com franquias é que você não precisa se preocupar em criar uma reputação ou investir pesado em marketing, pois a mesma vende por si só. Por outro lado, algumas delas podem cobrar royalties sobre os seus rendimentos. Como exemplo tem-se o Marido de Aluguel que presta serviços de reparos residenciais e comerciais principalmente o de instalação elétrica e hidráulica.

Concessionárias e Revendas

Neste modo é possível realizar compras diretamente dos fornecedores com preço e condições especiais e com isso pode-se aumentar a margem de lucro para a venda final, ou seja, o consumidor. Como exemplo, têm-se as concessionárias de carros e motos.

Representantes Comerciais

A representação comercial consiste em intermediar produtos em nome de um fornecedor e tal negócio pode ser realizado por meio de uma única pessoa ou de uma empresa. Neste caso, o fornecedor detém a posse dos produtos, os quais poderão ser enviados diretamente ao consumidor final.

Como exemplo, tem-se grandes marcas como a Coca-Cola que possui vários representantes espalhados por regiões, para realizar toda a negociação de compra, venda e entrega dos produtos.

Lojas Virtuais (E-commerce)

É um dos canais de venda que mais crescem no mercado devido à facilidade de manutenção e baixo custo de investimento. Algumas empresas possuem lojas físicas e virtuais para aumentar a possibilidade de vendas, enquanto outros possuem somente a loja virtual.

Dentre as vantagens de se manter uma loja virtual destacam-se: praticidade e mobilidade de tempo e espaço para o gerenciamento e acompanhamento de estoque ou pedidos, facilidade de integração com várias formas de pagamento, maior segurança e economia, além de poder realizar negócios a qualquer dia e horário, basta somente ter um bom servidor e hospedagem que garanta a estabilidade do seu site.

Como exemplo, tem-se o “Ricardo Eletro.com” e a “Sephora” empresa de perfumes e cosméticos.

Aplicativos da empresa

Com a criação e popularização dos smartphones, os aplicativos tornaram-se um excelente canal de vendas para os mais diversos segmentos do mercado, desde bancos até salões de cabeleireiros, que permitem realizar o agendamento de serviços para os clientes.

A criação de um aplicativo é semelhante à de um site ou blog e é necessário ter conhecimento de programação para se desenvolver o app de forma que o consumidor acesse o seu negócio com toda a comodidade como se estivesse em sua empresa. O Easy Taxi e o Uber são bons exemplos de canais de vendas com a prestação de serviço especializado em taxis, que oferece conforto e praticidade para o usuário.

Site da empresa

Ter um endereço na web tornou-se fundamental para quem possui um negócio ativo no mercado. A maioria das pessoas pergunta, pesquisa e acessa a sua empresa através de um computador, tablet ou smartphone.

Além de se preocupar com o conteúdo e o layout do seu site é importante que ele contenha todas as formas de contato, serviços oferecidos e formulários de cadastro, para que os seus clientes possam receber os informativos através do email (newsletter).

Mídias sociais

Entende-se por mídias sociais os meios de comunicação virtual entre as pessoas, como é o caso das redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter…) e aplicativos de mensagem instantânea (Whatsapp, Telegram, Viber…).

A força das mídias sociais permite com que muitas empresas ganhem maior destaque em relação aos modelos tradicionais de divulgação. Além de ser um meio barato e simples, as chamadas páginas de fãs (fanpages) e outros perfis profissionais aproximam os negócios dos seus clientes em qualquer lugar, dia e horário.

Últimas considerações

Creio que você agora está se perguntando: Qual é a melhor? A resposta dependerá do modelo do seu negócio e os seus objetivos. Você só saberá com certeza após testar.

Conte conosco. Você ainda tem alguma dúvida? Deixe sua mensagem nos comentários abaixo.

Vinícius Gregório

Vinícius Gregório

Redator nas horas vagas, empreendedor na área de consultoria de negócios e sistemas de gestão empresarial, acredita que toda empresa pode ser aprimorada através da inovação e melhoria contínua dos processos.